Blog :: Xalingo

Tag - crianças e sustentabilidade

3 maneiras de ter uma criança mais ecologicamente correta

Quer orientar seu filho para ele levar uma vida mais ecologicamente correta? Estas 3 dicas de como introduzi-lo a um mundo mais sustentável, podem te ajudar. Confira!

1) Recicle

Conforme a EPA (Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos, nós produzimos em torno de 2kg de lixo por dia. Isso dá mais de 725kg por ano!

Para que possamos mudar essa realidade, o ideal é pesquisar sobre o que pode ser reciclado ou não. E é nesse momento que seu filho pode entrar na jogada: ele pode te ajudar a pesquisar (caso for maior) ou então, se for menor, orientá-lo a criar cartazes informativos sobre o que pode reciclar.

Caso você tenha muitos filhos, invente o “Monitor da Reciclagem”, que vai dizer responsabilizar os outros sobre a reciclagem. Faça um rodízio para que tenha sempre um monitor por mês.

2) Apague as luzes

Incentive seu filho a estar ciente do uso de energia. Isso vai ajudá-lo a ser um consumidor de energia responsável ​no futuro. Para isso, é preciso colocar na rotina dele o hábito de apagar não só as luzes, mas como desligar outros equipamentos, como computadores fora de uso, televisões e qualquer outra coisa que consuma energia. O planeta vai agradecer e sua conta também!

3) Faça compostagem de minhocas

De acordo com a Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura, nós, humanos, desperdiçamos 30% de nossa comida globalmente, e essa comida desperdiçada é responsável por 8% do total das emissões globais de gases de efeito estufa, gases responsáveis ​​pela mudança climática. Para contribuir para que esse número caia, você pode começar usar a compostagem na sua casa.

Na compostagem de minhocas, esses animais são utilizados para transformar resíduos orgânicos em compostos, em vez de enviá-los para a terra. Ou seja: seus restos de alimentos, em vez de lixo, se transformam em adubo para plantas! Existem milhares de vídeos, recursos online e produtos (incluindo minhocas à venda) para ajudar sua família a começar a fazer compostagem de minhocas. Além de ajudar o meio ambiente, as crianças vão adorar saber que criam algumas minhocas dentro de casa!

– – – –

E para ficar por dentro das últimas novidades da Xalingo Brinquedos, inscreva-se em nosso canal no Youtube.

– – – –

Créditos da imagem: Freepik
Fonte: Pais e Filhos

Seu filho também pode te ensinar. Saiba o motivo

Pesquisadores norte-americanos observaram que o conteúdo que as crianças aprendem na escola pode, de fato, influenciar no dia a dia mais sustentável da família.

 

Em uma pesquisa realizada e publicada por cientistas da Universidade do Estado da Carolina do Norte, nos Estados Unidos, foi constatado que as crianças influenciam a visão e comportamento dos adultos quando o assunto é meio ambiente.

 

O estudo, publicado na Nature Climate Change, aponta que educar crianças e adolescentes sobre as mudanças climáticas aumenta a preocupação dos pais sobre o assunto. “Há trabalhos mostrando que as crianças podem influenciar o comportamento e as posições dos pais em questões ambientais e sociais, mas este é o primeiro estudo experimental demonstrando que a educação climática para crianças promove a preocupação dos pais sobre a mudança climática”, afirma Danielle Lawson, líder e autora da pesquisa.

 

A análise foi do trabalho de professores de ciências do ensino fundamental II, que incorporaram um currículo de mudança climática em suas turmas, somando 238 alunos e 292 pais participando do estudo. Antes que as aulas começassem, todos tiveram que responder a uma pesquisa que media seus níveis de preocupação em relação às mudanças climáticas. A pesquisa utilizou uma escala de 17 pontos para mensurar essa atenção, variando de -8 (sem preocupações) a +8 (muito preocupado).

 

Entre os participantes, 72 alunos e 93 pais não tiveram contato algum com o currículo — constituindo o grupo de controle. Enquanto isso, 166 estudantes e 199 pais tiveram acesso a todo o conteúdo do programa de educação ambiental, compondo o grupo experimental. Após completarem o currículo climático, ambos os grupos voltaram a reponder a pesquisa que determinava o quanto eles se preocupavam com as mudanças climáticas.

 

“Descobrimos que houve um aumento na preocupação climática para os grupos experimental e de controle, mas que a mudança foi muito mais pronunciada nas famílias em que as crianças aprendiam o currículo”, explica Lawson.

 

Em média, os alunos do grupo de controle tiveram um aumento de preocupação de 0,72 pontos ao final da pesquisa; e seus pais, 1,37 pontos. No grupo experimental, que teve contato com o currículo climático, os alunos tiveram um aumento de 2,78 pontos de preocupação, enquanto seus pais aumentaram 3,89 pontos.

 

“Nós também descobrimos que os resultados foram mais pronunciados para três grupos: pais conservadores (aumento de 4,77pontos), pais de meninas (4,15 pontos) e pais (4,31 pontos)”, observa Lawson, chamando a atenção para o fato de que conservadores e homens compõem grupos tipicamente menos preocupados com questões ambientais.

 

E para ficar por dentro das últimas novidades da Xalingo Brinquedos, inscreva-se em nosso canal no Youtube: https://www.youtube.com/channel/UCEu_wTApB06msiH5SXQ-JRg

 

Fonte:
https://revistacrescer.globo.com/Criancas/noticia/2019/05/jovens-preocupados-com-o-meio-ambiente-influenciam-pais-refletirem-sobre-mudancas-climaticas.html