Blog :: Xalingo

8 dicas para criança largar a chupeta

Seu filho estava quase largando a chupeta e pá: houve regressão? Ou então você está tentando persuadi-lo a deixar o acessório de lado, mas não há jeito de isso acontecer? Então estas dicas podem te ajudar!

Esse é o problema corriqueiro, mas algumas dicas podem te ajudar (e muito) com a situação.

Confira as dicas:

1) Vá devagar

Para que essa mudança seja mais tranquila, a dica é, aos poucos, ir tirando a chupeta da vida do pequeno. No início, limite a utilização aos horários que ele dorme. Isso inclui as sonecas. Quando a criança pegar no sono, tente tirar o acessório de sua boca. Isso vai deixar a criança menos habituada ao “bico”.

2) O prendedor

Sabe o prendedor de chupeta? É hora de dar “tchau” para ele. Isso vai evitar que a chupeta fique sempre com a criança, diminuindo assim sua utilização.

3) Trocar chupeta por outro objeto

Há a opção de você trocar a chupeta da criança por outro objeto que possa ser colocado na boca, no caso de bebês. Para crianças maiores, vale observar que objeto pode trazer à mesma a sensação de conforto e segurança, podendo adotar um lençol ou bichinho de pelúcia, por exemplo. A criança pode participar da escolha do objeto.

4) Uma data para a chupeta “ir embora”

Combine um dia para seu filho deixar o bico. Uma dica é marcar no calendário e criar uma verdadeira data festiva para o acontecimento, fazendo contagem regressiva. Pode-se até trabalhar de forma mais lúdica como deixar para a fada da chupeta, por exemplo. Não precisa oferecer uma recompensa, mas a criança pode ser surpreendida por algo que a fada deixou para ela no lugar do bico, como uma poção de coragem. É super simples: pode ser um potinho com água adoçada com mel e colorido com corante. Explique para a criança que, quando ela sentir muita falta do bico, ela pode tomar um golinho da poção e se sentirá mais corajosa. A explicação pode vir em um bilhetinho escrito pela fada, inclusive.

5) Só pode falar de boca vazia

Você pode dizer à criança que, para falar, ela não pode estar com a chupeta na boca, pois não dá para entender o que ele está dizendo.

6) Como você cresceu

As crianças adoram se sentir mais crescidas. Então, um bom argumento, é ressaltar para o seu filho que ele está crescendo e não precisa mais da chupeta. Você pode mostrar como os bebê usam chupeta, mas as crianças maiores não usam.

7) Os melhores momentos

Existe a possibilidade de seu filho rejeitar o bico naturalmente. Entre os motivos podem ser que a chupeta está velha, ele pegou um resfriado ou até mesmo perdeu o interesse. Esse é o momento ideal para sumir com as chupetas da vista dele. Caso ele peça, você pode prolongar um pouco o tempo para entregar, pois assim ele ele pode largar ela de forma espontânea ou gradual.

8) Por último, tenha paciência

Observe sempre o ambiente e o momento em que estão vivendo, procurando não impor muitas mudanças ao mesmo tempo. O ideal é ter um espaço de adaptação entre as mudanças de impacto, como a chegada de um irmão, troca de escola, separação dos pais, falecimento de alguém querido, por exemplo. Procure reduzir a quantidade de bico à disposição para que evolua o processo, mas sempre respeitando o tempo da criança.

Gostou das dicas ou tem outras para as mamães? Então comente abaixo!

– – – –

E para ficar por dentro das últimas novidades da Xalingo Brinquedos, inscreva-se em nosso canal no Youtube.

– – – –

Créditos da imagem: Freepik

Fontes: Blog da Leiturinha | Crescer

1 comentárioDeixe um comentário

Deixe uma resposta para Gustavo Woltmann Cancelar resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *